O Autodesafio

Atire o primeiro livro de mil páginas quem nunca ficou “deprimido” depois de ler um livro perfeito (com personagens inesquecíveis, tramas incríveis e uma história de tirar o ar), e demorou séculos para criar coragem de começar uma nova leitura.
Sempre fui assim: apegada aos meus livros queridinhos (cheguei a ler um SEIS vezes!), eu me impunha um hiato, um tempo de cura, até escolher e embarcar numa nova aventura literária.
Por isso resolvi me autodesafiar e dar o meu máximo a mais livros (e suas adaptações): Ler, no mínimo,um livro por semana, usando somente as minhas horas vagas.
Quero provar a mim mesma, e a quem também sofre dessa “Depressão Pós-livro”, que é possível – e prazeroso – ter um ritmo fixo de leituras sem se apegar TANTO a um só título ou saga.
(Claro que a gente vai continuar tendo livros do coração, aquele TOP 10 que escorre uma lágrima aqui só de pensar! Mas isso não impede de conhecer – e se apaixonar – por muitos outros, certo?) 
Pra ficar melhor (e valer a pena ler o blog) vou contando aqui como foi a experiência com cada livro. Já aviso aos coleguinhas que {so sorry}, se eu tiver desilusão literato-amorosa (do latim: história ruim. Autor fraco. Final sem sal. Adaptação sem vida) com algum dos títulos eu vou falar sem dó. Combinado?
Quem vem comigo?

Receba as news do DPL por e-mail!

Buscar no Blog